Como conseguir um emprego na indústria de games em 2022

Tweet
Como conseguir um emprego na indústria de games em 2022

Dissemos anteriormente que não há indústria mais empolgante do que a de esports, mas se há algo que desafia isso é a de games! Mais do que nunca, as gerações mais jovens estão crescendo ao lado dos jogos como sua principal forma de mídia, e os profissionais de setores mais tradicionais estão buscando funções em um ambiente novo e desafiador para si próprios.

Como líderes em empregos nos esportes eletrônicos e nos jogos, estamos bem cientes da grande quantidade de setores e empregos disponíveis nesse mercado, mas uma questão ainda permanece para muitos: "Como consigo um emprego na indústria de games?"

Neste artigo, vamos listar algumas dicas e orientações que irão aumentar suas chances de conseguir um emprego na indústria de games mesmo sendo um novato e expandir cada ponto com todas as informações de que você precisa para se tornar o próximo veterano nessa indústria!

1. Participe de Game Jams

As Game Jams trazem um grande grupo de pessoas com ideias semelhantes para um lugar com o objetivo de criar um game do zero em um curto período de tempo - geralmente entre 24 e 72 horas.

Não tem certeza de que tipo de trabalho você deseja na indústria de jogos? As game jams são uma excelente maneira de tentar sua sorte em muitos campos diferentes relacionados aos games, com pequenos grupos geralmente permitindo que passem por áreas como Design, Programação, Arte, Narrativa e muito mais.

Além disso, ter um exemplo de jogo em que você trabalhou diretamente para mostrar à pessoa que está recrutando é um grande impulso ao se candidatar às vagas. Não se preocupe se não for o trabalho mais bonito - os recrutadores estão bem cientes de que game jams são hackathons em sua essência e são feitos em um curto período de tempo.

Use-o para mostrar seu talento na área desejada. Fale o que você achou que deu certo no ambiente de pressão pelo tempo que você teve, as coisas que você melhoraria se tivesse mais tempo e o que aprendeu com a experiência. Os rigs eram muito complicados? A linguagem de programação escolhida não era adequada para o conteúdo que você estava criando? O tema limitou sua capacidade de escrita? Aprendizado demonstrável com os erros é ótimo para ser visto em entrevistas e candidaturas, e game jams são um ótimo lugar para obtê-los!

Procure em sua região por Game Jams nas quais você possa participar. Também recomendamos as Game Jams online.

A Ludum Dare é uma Game Jam realizada duas vezes por ano, totalmente online, e permite que qualquer pessoa participe e concorra com o tema escolhido. Crie uma conta e procure os membros da sua equipe em preparação para o próximo evento! Há também a Women Game Jam, focada em mulheres cis, trans e pessoas não-binárias e é um evento não competitivo.

2. Networking em eventos

Infelizmente, esse ponto foi suspenso, em parte, pelo impacto do COVID no mundo.

Mas, embora não seja possível comparecer pessoalmente aos eventos corriqueiros do ano, você ainda pode interagir com profissionais do setor.

Seja por meio das variantes online desses eventos, como a Brasil Game Show, que se tornou digital em 2020, ou os eventos de networking mais específicos que são comuns na indústria (e que frequentemente anunciamos em nossa plataforma ou conta no Twitter). O mundo foi forçado a se distanciar, mas a comunidade rapidamente se manteve conectada. Procure essas oportunidades onde puder e considere seriamente a possibilidade de participar. Basta uma boa conversa para abrir uma oportunidade de trabalho que você nunca poderia ter sonhado.

Quando esses eventos forem retomados de forma presencial, procure as pessoas responsáveis por recrutamento que estarão nos estandes. Converse com elas - fale sobre sua paixão pela empresa, pelos games que ela faz e o que elas recomendariam como os próximos passos para sua carreira. Ei, talvez elas até tenham alguns cargos de nível iniciante para te mostrar!

Se você é uma pessoa da área artística, de desenvolvimento, de design, de narrativa ou de qualquer outra área onde seu trabalho possa ser levado com você, imprima para mostrar pessoalmente e desenvolver sua experiência. Se o seu trabalho não pode ser exibido no papel, faça o upload em uma página da web e distribua cartões de visita com suas informações de contato e um link para seu portfólio.

Obs.: Crie um perfil no LinkedIn e certifique-se de manter seu portfólio atualizado e sempre se conectar com as pessoas que você encontra nesses eventos. Ter uma rede de pessoas que frequentemente atualizam seus feeds com novas vagas e conselhos/artigos é um dos maiores benefícios desses eventos, além de conseguir uma entrevista diretamente.

Esses eventos também realizam muitos painéis e palestras com profissionais experientes da indústria de games. Elas são uma ótima ferramenta de aprendizagem e podem fornecer excelentes iniciadores de conversa e respostas para perguntas em entrevistas futuras.

3. Educação Moderna

O mundo está mudando! Cada vez mais pessoas estão aprendendo habilidades online e na indústria de jogos não é diferente.

Cargos em setores como arte e programação têm vastos recursos online para melhorar essas habilidades também, mas como padrão, há duas coisas que todas as pessoas que desejam entrar na indústria de games devem aprender que podem ser encontradas online: conhecimento em Sistema de Gerenciamento de Projetos e do ciclo de vida do produto de um jogo.

A maioria das empresas lista o SGP usado em suas vagas; falando pessoalmente, não encontramos nenhum que não tenha um tutorial completo online até agora!

Explicando, um SGP acompanha tarefas individuais e trabalhos necessários para completar o objetivo geral de um estúdio (o lançamento do jogo). Isso é comumente feito em um fluxo de trabalho denominado "Agile Scrum" e, raramente nos dias de hoje, através de uma metodologia de trabalho chamada "Waterfall".

Para aprender mais sobre Scrum e um pouco sobre Waterfall, confira este incrível vídeo do YouTube feito pela MindMaster.

Embora datado, este vídeo feito pela Moxie sobre o "JIRA", um SGP comumente usado em muitas empresas de games, resume o que ele faz e como é usado (outros SGP que vale a pena analisar são DevTrack e Trello).

Compreender a maneira como um jogo é desenvolvido e, mais importante, como sua função futura se encaixa nesse processo é um elemento importante a ser estudado. Mostrar uma compreensão disso em uma entrevista aumentará muito suas chances de ser selecionado em detrimento de outros candidatos.

4. Considere um trabalho na área de controle ou garantia da qualidade/testes de games

Controle de Qualidade ou Garantia da Qualidade, às vezes chamada também de testes de games ou QA (do inglês, Quality Assurance), é uma área muito comum para se entrar na indústria de jogos, geralmente exigindo nada além de uma mentalidade analítica e uma paixão pelo jogo que você estará trabalhando em cargos de nível iniciante ou júnior.

Embora essa área esteja lentamente se tornando cada vez mais profissional, com educação disponível especificamente para ela, muitas empresas procuram jogadores com um conhecimento profundo de seus títulos para testar suas atualizações e expansões. Afinal, as metodologias de controle de qualidade podem ser ensinadas em questão de meses, mas anos de conhecimento e experiência com um determinado game não.

Nenhuma função atinge mais partes do ciclo de desenvolvimento do que a de controle de qualidade. Use isso a seu favor e, enquanto estiver lá, aprenda sobre o ciclo de vida do produto de um jogo em primeira mão, descubra o código interno usado, familiarize-se com os sistemas de gerenciamento de projetos e fluxos de trabalho para entender melhor sobre a produção de games. Você pode então usar esse conhecimento para decidir se deseja mudar para outra área da indústria ou se deseja permanecer na de controle de qualidade.

"Conseguir um emprego em controle de qualidade me permitiu entrar no mercado de games. A partir daí, pude aprender uma ampla gama de habilidades, como entender o processo de fazer um jogo, como me comunicar com os desenvolvedores e dar feedback, e descobri todas as maneiras inesperadas de quebrar um game (e acredite em mim, há várias maneiras!).Ter uma função na área gerou ainda mais oportunidades, então, quando vi a vaga para me tornar um desenvolvedor de games 6 meses depois, agarrei a chance. Entre a experiência de programação que adquiri na universidade e as lições que aprendi no controle de qualidade, tive a chance de mudar para uma função com a qual sempre sonhava desde os 6 anos de idade.

Avance 8 anos e agora sou um desenvolvedor líder com a responsabilidade de encontrar a próxima geração de desenvolvedores de jogo, usando toda a experiência que ganhei ao longo do caminho para orientá-los para o sucesso." - Kevin Grantham-Murray, Jagex

5. Estágios

Essa é uma maneira fantástica de ganhar experiência em primeira mão em um ambiente de games. É também uma ótima chance para gerar futuras oportunidades de emprego na empresa com a qual você vai passar seu tempo! Na maioria das vezes, essas funções terminam em ofertas de emprego no final do período de estágio.

Os estágios são exclusivamente para quem está cursando ou chegando ao final do período universitário. Normalmente, tem duração de 6 a 12 meses. Fale com sua universidade sobre oportunidades e estúdios que estão em sua região - na maioria das vezes, eles têm contatos com empresas de games locais ou ex-alunos com quem podem colocá-lo em contato.

Navegue por vagas de estágio.

"Eu sou uma Associate Art Manager na Wargaming UK e entrei na indústria há 6 anos quando consegui um estágio.

Esse estágio me deu uma experiência inestimável de um pipeline de desenvolvimento de games e a colaboração espetacular necessária para criar um jogo, garantindo uma qualidade superior para os jogadores.

Como estudante de arte para games na época do meu estágio, pude testemunhar pipelines de criação de assets do início ao fim e ajudar na correção de erros gráficos." - Katie Byrne, Wargaming

6. Acesse a Hitmarker Brasil com frequência

Com motivação mais do que nunca para conseguir aquela vaga dos sonhos depois de ler os pontos anteriores? Vamos procurar!

A Hitmarker Brasil se orgulha de reunir o banco de dados mais completo de carreiras em esports e games que existe. Publicamos dezenas de empregos todas as semanas, por isso somos é a plataforma número um para encontrar seu próximo passo na indústria de esports e jogos!

Apenas lembre-se: não se empolgue e aplique em tudo que você encontrar. É uma armadilha na qual muitas pessoas caem e o resultado são candidaturas de baixa qualidade que recebem emails de rejeição ou, pior, nenhum email de resposta. Em vez disso, concentre-se na qualidade em vez da quantidade e realmente dê tudo de si no que você está se candidatando.

Embora seja bom ter uma carta de apresentação básica que você possa editar para cada trabalho, você não deve enviar a mesma carta para dez empresas diferentes. As pessoas responsáveis pela contratação podem localizar cartas de apresentação duplicadas a quilômetros de distância! - acredite em nós - e é muito melhor escrever uma carta de apresentação exclusiva para cada função a que você se candidata.

Dessa forma, se a empresa vai lançar um novo jogo ou está prestes a entrar em um novo mercado, você pode usar a carta de apresentação para contar a eles sobre como suas habilidades específicas tornarão esse processo ainda mais bem-sucedido. E isso é realmente mostrar o seu valor como candidato.

Concluindo, encontrar um emprego se resume em ampliar ao máximo suas opções. É bom ter uma empresa e função dos sonhos em mente, mas não desanime se você for recusado por ela. A indústria de jogos é ampla e, assim que você colocar o pé dentro, muitas outras portas se abrirão - talvez no lugar que você realmente deseja estar.

Dito isso, resta-nos desejar-lhe boa sorte! A indústria de games é difícil de entrar, mas não impossível. Lembre-se de sempre pensar no valor que você pode mostrar a uma empresa e não desanime se você não conseguir algo de imediato - valerá a pena quando você fizer isso.

Equipe Hitmarker