Melhorando seu perfil do LinkedIn para ser mais visto

Tweet
Melhorando seu perfil do LinkedIn para ser mais visto

Quando você está em busca de emprego – seja na indústria de games ou em outra área – é essencial estar com um perfil do LinkedIn afiado. Um perfil no LinkedIn bem otimizado tem o poder de fazer parte da busca de emprego para você e, embora possa não ser o canal social mais empolgante para gastar seu tempo, qualquer esforço que você investir será de fato importante.

Para saber como otimizar adequadamente seu perfil no LinkedIn, explicaremos como pessoas recrutadoras usam essa rede para encontrar novos talentos e possíveis contratações. Assim, você saberá exatamente como personalizar seu perfil para que ele comece a atrair oportunidades que você nunca viu de outra forma.

Observação: Este artigo é mais fácil de seguir se você tiver seu perfil do LinkedIn aberto e pronto para edição.

SEÇÃO Nº 1: Como pessoas recrutadoras usam o LinkedIn

Antes de mais nada, é importante entender como pessoas recrutadoras usam o LinkedIn quando procuram talentos para que você possa aumentar suas chances de aparecer em suas buscas. Veja como é o painel do LinkedIn Recruiter para ter uma ideia exata de quais critérios uma pessoa recrutadora pode estar pesquisando.

Como você pode ver, há muitos filtros diferentes pelos quais as pessoas recrutadoras podem pesquisar. Destes, os mais usados são Job Title (Cargo), Locations (Localização), Industries (Setor) e Seniority (Tempo de Trabalho). Em empregos especialmente de nicho, Skills (Habilidades) e Keywords (Palavras-chave) também podem ser utilizadas.

A maioria das pesquisas feitas no LinkedIn Recruiter começa procurando quem está no local desejado que possui o cargo específico para o qual a pessoa recrutadora está contratando, embora isso nem sempre seja fácil em um setor tão diversificado e em constante mudança como o de jogos.

Portanto, a maioria das pessoas recrutadoras pesquisará não apenas o cargo da função que deseja preencher, mas também uma lista de cargos semelhantes com responsabilidades em comum.

O que isso significa para você:

  • Cargo. Seu cargo deve seguir um padrão reconhecível da indústria. Usar um título como "Ninja do Growth, Mago das Planilhas ou Marketing Superstar" limitará severamente a frequência com que você aparecerá nas pesquisas, enquanto algo simples e direto como "Gerente de Marketing de Conteúdo", ou mesmo sua versão em inglês, "Content Marketing Manager", aumentará a visibilidade do seu perfil.
  • Localização. Sua localização deve ser específica e não ampla. É muito melhor dizer que você está em "Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil" do que apenas colocar "Minas Gerais".

Agora, como a maioria das pessoas candidatas a emprego poderá dizer, gerentes de contratação geralmente querem pessoas com experiência existente no setor – especialmente através do LinkedIn Recruiter, onde o foco é preencher cargos de nível pleno a sênior. Portanto, a indústria e o tempo de trabalho são filtros muito importantes nos quais as pessoas recrutadoras confiam.

O que isso significa para você:

  • Setor. Escolha uma tag de setor que seja mais relevante para o trabalho que você deseja e adicione-a ao seu perfil. Para pessoas em busca de emprego nos games, sugerimos um dos seguintes: Animação, Entretenimento, Games para Computador ou Aplicativos de Games para Celular. Você precisa clicar em "Ver Perfil", no canto superior direito, depois na sua foto e depois, ao editar seu perfil, vá em Setor*.
  • Tempo de Trabalho. A ideia de "iniciante" do LinkedIn é uma pessoa que tem entre 0 e 4 anos de experiência, o que não reflete a maioria dos setores, então as pessoas recrutadoras tendem a confiar em filtros avançados ao procurar o tempo de trabalho de uma pessoa candidata: especificamente "years in current position" ("anos no cargo atual") e "years of experience" ("anos de experiência"). Isso significa que é importante não omitir quanta experiência o LinkedIn pensa que você tem, dividindo quanto tempo você trabalhou em uma empresa entre muitos cargos. Indique quaisquer mudanças importantes em suas responsabilidades, claro, mas mantenha-as em um ou dois cargos, sempre que possível.

Se uma pessoa recrutadora ainda estiver procurando por pessoas candidatas depois de inserir os filtros acima, ela geralmente irá para Skills (Habilidades) e Keywords (Palavras-chave) para ampliar sua pesquisa. Essas são as partes mais demoradas do seu perfil, mas vale a pena fazer isso para não deixar se aparecer nas buscas.

O que isso significa para você:

  • Habilidades. Para melhorar a seção de Habilidades do seu perfil, primeiro você precisa de uma compreensão sólida das habilidades que o emprego dos seus sonhos exige. Você já deve saber quais são, mas se não souber, pode ser facilmente encontrada pesquisando as descrições de cargos em sua área e vendo quais habilidades as empresas solicitam com frequência. Isso geralmente estará na seção "Requisitos" ou "Qualificações". Em seguida, você pode usar essas informações para garantir que seu perfil tenha os tipos de habilidades que uma pessoa recrutadora está procurando.
  • Palavras-chave. O LinkedIn Recruiter pesquisará palavras-chave em todo o seu perfil, o que significa que todas as oportunidades de adicionar alguma palavra devem ser aproveitadas. Sua seção Sobre e a maneira como você descreve seus cargos anteriores são áreas perfeitas para colocar algumas palavras-chave bem pensadas. Pense em algumas que são específicas para o seu perfil, experiências anteriores e o que você deseja fazer a seguir (arte estilizada, economia de jogos, marketing para TikTok, liderança de equipe, etc).

SEÇÃO Nº 2: Como construir e melhorar seu perfil

Agora que sabemos como profissionais de recrutamento estão usando o LinkedIn para encontrar pessoas candidatas diretamente, vamos falar sobre como configurar seu perfil com isso em mente.

As coisas mais importantes a serem lembradas são:

  • Construa seu perfil para o trabalho que você deseja, não para o trabalho que você tem.
  • Escreva e formate informações de uma maneira que seja fácil de ler e traga suas habilidades, conquistas ou características mais relevantes para o primeiro plano.
  • Cada caixa de texto é uma oportunidade de usar palavras-chave relevantes.

Nosso principal objetivo é obter o maior número possível de visitas em seu perfil de pessoas recrutadoras e, uma coisa que é muito importante, atender os algoritmos do LinkedIn. Então vamos começar com as coisas principais:

  • Foto do perfil: contas com foto de perfil obtêm 21 vezes mais visualizações do que aquelas que não têm.
  • Localização: adicione seu país e seu setor. Se você deixar isso em branco, ficará de fora dos resultados.
  • Experiência: Adicione seu cargo mais atual e pelo menos dois cargos anteriores. Isso faz com que você apareça em média 16 vezes mais nas buscas de pessoas recrutadoras e pode aumentar suas visualizações de perfil em até 29 vezes. Ao escrever sobre sua experiência, use marcadores e concentre-se em suas realizações na função, em vez de uma lista de responsabilidades. Tente adaptá-los também ao seu trabalho desejado e adicione URLs de sites, projetos que você produziu ou qualquer coisa visual que chame a atenção de alguém sempre que possível.
  • Habilidades: adicione suas habilidades profissionais seguindo os conselhos que apresentamos na primeira seção. Você precisa incluir pelo menos cinco habilidades aqui, o que pode aumentar em até 33 vezes a frequência com que você é contatado por profissionais de recrutamento.
  • Conexões: Você precisará de pelo menos 50 conexões para ser favorecido pelo algoritmo de busca do LinkedIn. Se você não tiver certeza por onde começar, pesquise as escolas que você frequentou ou empresas nas quais trabalhou no passado e veja quem você reconhece e comece a se conectar com as pessoas.

Agora que você aprendeu o básico, é hora de destacar sua experiência:

  • Título: Procure incluir de 3 a 8 palavras-chave/frases que correspondam ao que as pessoas empregadoras estão procurando, juntamente com uma ilustração do quão importante você poderia ser na empresa. Use métricas e resultados anteriores aqui sempre que possível. Um título ficaria assim, por exemplo: "Gerente de Aquisição de Talentos com experiência em escalar startups de 50 para 200 pessoas funcionárias".
  • Sobre: ​​Não existe uma fórmula para escrever uma boa seção Sobre, pois depende muito de sua profissão e de quanto tempo você está em sua carreira, mas recomendamos a seguinte estrutura:
    • Uma declaração introdutória que resume sua experiência de trabalho e suas habilidades mais notáveis. Certifique-se de incluir palavras-chave relevantes aqui para aumentar sua chance de aparecer nas pesquisas, como já dissemos.
    • Alguns pontos focados em suas conquistas até o momento. Isso será ainda mais eficaz se você puder respaldar essas conquistas com dados.
    • Uma declaração final sobre os tipos de oportunidades que você tem interesse e para que uma pessoa recrutadora deve entrar em contato com você.
  • Destaque: A área de Destaque do seu perfil é uma chance de mostrar algum trabalho, documento ou coleção de links para os quais você deseja chamar mais atenção. Pense no que você pode incluir aqui para deixar a melhor impressão nos profissionais de recrutamento. Aqui vão algumas ideias:
    • Partes de seu portfólio
    • Artigos do LinkedIn ou de fontes externas escritos por você
    • Apresentações
    • Publicações populares ou perspicazes do LinkedIn
    • Seu currículo
    • Um link para seus perfis em outras redes ou um agregador de links
    • Uma carta de apresentação geral

Se você seguir as etapas acima, terá um perfil do LinkedIn muito completo e atraente que se destacará tanto para pessoas recrutadoras quanto para profissionais do setor, o que nos leva ao nosso próximo guia!

Continue lendo para saber como mapear a indústria de videogames para encontrar estúdios relevantes para se inscrever.